Relaxa


Duas da manhã, e o chá morno desce a garganta na sombria noite. Mudanças inevitáveis, sensações estranhas, desamparo, tragédias embaçadas, dúvidas nítidas.

Seu reflexo cada vez mais desconhecido, ela já não sabe mais quem é se é que um dia soube...

Ela discute com Deus, procurando uma explicação para a confusão  que é tudo isso aqui, não sabe se é uma afortunada  por ganhar a vida ou se é mais uma alma iludida que se findará sem nunca entender a razão dessa trama.

Ah o entender....já desisti também!!!!!!!!!!!!

Louca trama, um drama imprevisível...viver um eterno aprendizado que não te prepara para porra nenhuma já que a todo momento é um surpresa diferente onde  de uma hora para outra pode-se ser premiado com o pior azar.

É sim, viver é um verdadeiro jogo de sobrevivência física, emocional, mental em que não há vencedores não importa quão longa seja a jornada porque todos morrem no final.

Ou isso é algo muito injusto ou apenas um lembrete dizendo RELAXA !




Comentários